Raízes maçônicas para a expressão mineira “UAI”

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Raízes maçônicas para a expressão mineira “UAI”


Segundo o odontólogo Sr. Sílvio Carneiro e a professora Dorália Galesso, foi o Presidente Juscelino Kubitschek que os incentivou a pesquisar a origem da expressão “UAI”, do Estado de Minas Gerais. Depois de exaustiva busca nos anais da Arquidiocese de Diamantina e em antigos arquivos do Estado Mineiro, Dorália encontrou a explicação provavelmente confiável.

Os Inconfidentes Mineiros, patriotas, mas considerados subversivos pela Coroa Portuguesa, comunicavam-se através de senhas para se protegerem da polícia lusitana. Como conspiravam em porões e sendo quase todos de origem Maçônica, recebiam os companheiros com as três batidas clássicas da Maçonaria nas portas dos esconderijos. Lá de dentro, perguntavam: quem é? E os de foram respondiam: UAI – as iniciais de União, Amor e Independência. Só mediante o uso dessa senha, a porta seria aberta aos visitantes.

Conjurada a revolta, sobrou a senha que acabou virando costume entre as gentes das alterosas. Os mineiros assumiram a simpática palavrinha e, a partir de então, a incorporaram ao vocabulário quotidiano, quase tão indispensável como tutu e trem, Uai, só entre outras.
Você gosto?

.

.