Maio 2009

terça-feira, 26 de maio de 2009

AUDIÊNCIA DE SUA EXCELÊNCIA O SENHOR PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA



Sua Excelência recebeu a delegação da Confederação das Grandes Lojas Unidas da Europa, presidida pelo Grão-Mestre da Grande Loja Nacional Portuguesa Álvaro Carva. Acompanhado pelo grão-mestre Jamil Saade da Grande Loja Unida do Líbano. A Delegação era ainda composta pelo Adjunto do grão-mestre para as Relações Internacionais, do Grande Tesoureiro e de dois Veneráveis Mestres das Lojas Trabalho e S. Jorge, a Oriente de Lisboa.

segunda-feira, 25 de maio de 2009

MAÇONARIA RECEBIDA POR SUA EXCELÊNCIA O SENHOR PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA



A Grande Loja Nacional Portuguesa e o representante da Confederação das Grandes Lojas Unidas na Europa serão recebidos na segunda-feira, dia 25 de Maio, por Sua Excelência o Senhor Presidente da Assembleia da República, na Sede do Parlamento, sito no Palácio de S. Bento. O Encontro, a audência, está marcada para as 10H30 da manhã. O representante da Confederação das Grandes Lojas Unidas na Europa será o grão-mestre Jamil Saade da Grande Loja Unida do Líbano. O representante da Grande Loja Nacional Portuguesa, Maçonaria Antiga, Soberana, Regular e Tradicional será o grão-mestre Álvaro Carva.

domingo, 24 de maio de 2009

IRMÃO RÔMULO ROCHA SOFRE INFARTO E ENCONTRA-SE INTERNADO


O Irmão Rômulo Rocha, Deputado Estadual há vários anos, hoje representando a Loja Maçônica Estrela dos Pirineus de Corumbá GO, e historicamente ligado à maçonaria da região da Estrada de Ferro de Goiás, sentindo fortes dores no peito, foi internado ontem em UTI do Hospital Anis Rassi de Goiânia, onde deverá permanecer nas próximas 72 horas.

O Grão-Mestre Barbosa Nunes em contato direto com a filha do Irmão Rômulo Rocha, Elizete Guimarães Rocha Pimentel que se deslocou imediatamente de São Paulo para Goiânia, foi por ela informado que o quadro de gravidade ou outro risco está sob controle e que a reação dele é boa.

Os Irmãos que desejarem informações poderão se dirigir ao Hospital Anis Rassi (62) 3227-9000 ou (62) 3227-9311, que emite boletins de manhã e a tarde, ou então com o Grão-Mestre Barbosa Nunes no celular (62) 9621-4091, pois o Irmão Barbosa Nunes estará permanentemente em contato com a filha do Irmão Rômulo.

Vamos todos fazer uma corrente permanente, pedindo ao Grande Arquiteto pela recuperação do Irmão Rômulo Rocha.

quinta-feira, 21 de maio de 2009

GOEG RECEBE DOAÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA OAB-GO


Num gesto de muita sensibilidade social e parceria entre a Ordem dos Advogados do Brasil – Seção de Goiás e o Grande Oriente, na manhã do dia 19 de maio, o Presidente Doutor Miguel Ângelo Cançado, trouxe e entregou à Fraternidade Feminina Estadual, gêneros alimentícios que superlotaram uma camioneta, arrecadados em promoção da OAB durante eventos esportivos por ela realizados.

Junto com o Presidente Miguel Ângelo Cançado, o Vice-Presidente Henrique Tibúrcio Peña, os Conselheiros Alexandre Magno Guerra Marques, Cleomar Rizzo Esselin Filho e Sebastião Macalé, também os Diretores da Casag, Enil Henrique de Souza Filho e Amadeu Gustavo de Faria.

O Grande Oriente reconhece e agradece a intermediação sempre realizada pelo Advogado e Assessor da OAB, Maçom Hanna Matanios Hanna Júnior, Venerável da Loja Elias Gabriel.


Usaram da palavra o Presidente da OAB, fazendo entrega, a Presidente da Fraternidade Feminina Estadual, Vera Lúcia Barbosa, que ao agradecer comunicou que um relatório será enviado identificando as entidades beneficiadas com a boa quantidade de arroz, feijão, óleo, açúcar, macarrão e outros, que servirão de acalento a muitos que passam por dificuldades.

O Grão-Mestre Barbosa Nunes, juntamente com vários Irmãos do Poder Executivo, manifestou também todo agradecimento a OAB – Goiás, alimentos em quantidade que podem ser muito bem observados pelo registro fotográfico do Irmão Ocrair da Costa Ribeiro.

Comunicado da Grande Loja Nacional Portuguesa


Nós informamos,

Mais um Tratado de Amizade e Reconhecimento com a Grande Loja da Rússia. A ocorrer neste fim-de-semana em Lisboa. Mais um Tratado com a chancela da Maçonaria regular (continental).
Para além da recepção em Portugal do X reunião internacional do Comité da Confederação das Grandes Lojas Unidas na Europa. Um conjunto de Grandes Lojas regulares ou Tradicionais presentes no Mundo.

Apoiamos Portugal e os portugueses no estrangeiro.
Apoiamos os maçons nacionais ou estrangeiros onde quer que estejam.


GLNP - MUITO MAIS QUE UMA OBEDIÊNCIA TRADICIONAL
UMA MAÇONARIA EUROPEIA E MUNDIAL

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Batalhão da Guarda Presidencial realiza Costelada de Ripa


O evento acontecerá no dia 31 de maio e tem como objetivo, arrecadar fundos para a Associação Beneficente Tolosa – AFETO, que ajuda várias entidades beneficentes.

No dia 31 de maio, ocorrerá no Quartel do Batalhão da Guarda Presidencial, localizado no Setor Militar Urbano de Brasília/DF, uma “Costelada de Ripa”, acompanhada de Arroz Carreteiro, arroz branco, tutu a mineira, mandioca cozida, vinagrete e salada de verdura a um custo de apenas R$15, crianças até 10 anos não pagam. Haverá música “ao vivo” e bingo ao preço de R$1 a cartela.


No local serão vendidos, a parte, bebidas, refrigerantes e sorvetes. O objetivo do evento, é angariar fundos para a Associação Beneficente Tolosa – AFETO, que ajuda várias entidades beneficentes, como a Casa de aidéticos do Recanto das Emas, Casa Transitória de Brasília em Taguatinga e uma Creche do Paranoá, entre outras.

Na entrada do evento poderão ser adquiridos os ingressos, como também, antecipadamente, através dos integrantes da Augusta e Respeitável Loja Simbólica Miguel Anchanjo Tolosa.

Para mais informações, os interessados devem entrar em contato com o Irmão Juscelino Cunha, através do Telefone (61) 3346-3096 e 8116-9026.

GOB-RJ faz Homenagem à Polícia Militar Estadual do Rio de Janeiro


O Grande Oriente do Brasil-RJ homenageou os 200 anos da Polícia Militar Estadual do Rio de Janeiro, dando continuidade às comemorações pela passagem da data, no dia 15 de maio. O GOB-RJ condecorou a PMERJ no Supremo Conselho do Brasil do Grau 33 para o Rito Escocês Antigo e Aceito em na cidade de São Cristóvão.

Estiveram presentes à Sessão o Grão-Mestre Geral do GOB, SAoberano Ir:. Marcos José da Silva, o Grão-Mestre Geral Adjunto, Sapientíssimo Ir:. Cláudio Roque Buono Ferreira, o Grão-Mestre Estadual do Rio de Janeiro, Eminente Ir:. Eduardo Gomes De Souza, o Grão-Mestre Estadual Adjunto do Rio de Janeiro, Poderoso Ir:. Edimo Muniz Pinho, o Secretário Geral da Guarda dos Selos, Eminente José Edimilson Carneiro, o Secretário Geral Adjunto de Comunicação e Informática, Poderoso Ir:. Fernando Túllio Colacioppo Sobrinho, o Secretário de Relações Interiores, Ir:. Josué Morais de Oliveira, o Assessor do Gabinete do Grão-Mestre Geral, Ir:. Matheus Casado Martins, ox Soberano Grande Comendador, Enyr de Jesus da Costa e Silva, a Presidente Nacional da “Frafem” Cruzeiro do Sul, Cunhada Ligia Castro da Silva e a Presidente da “Frafem-RJ”, Cunhada Ligia Gomes de Souza.

Soberano Ir:. Marcos José da Silva entrega por 28 dias o comando do GOB ao Grão-Mestre Geral Adjunto, Ir:. Cláudio Roque Buono Ferreira



O Grão-Mestre Geral do Grande Oriente do Brasil, Soberano Irmão Marcos José da Silva entregou formalmente no dia 15 de maio, o comando do GOB por 28 dias ao Grão-Mestre Geral Adjunto, Sapientíssimo Irmão Cláudio Roque Buono Ferreira, em solenidade no Supremo Conselho do Brasil do Grau 33 para o Rito Escocês Antigo e Aceito em São Cristóvão, Rio de Janeiro/RJ.


Estiveram presentes na Sessão o Grão-Mestre Estadual do Rio de Janeiro, Ir:. Eduardo Gomes de Souza, o Grão-Mestre Estadual Adjunto do Rio de Janeiro, Ir:. Edimo Muniz Pinho, o Secretário Geral da Guarda dos Selos, José Edimilson Carneiro, o Secretário Geral Adjunto de Comunicação e Informática, Ir:. Fernando Túllio Colacioppo Sobrinho, o Secretário de Relações Interiores, Ir:. Josué Morais de Oliveira, o Assessor do Gabinete do Grão-Mestre Geral, Ir:. Matheus Casado Martins, o Soberano Grande Comendador, Enyr de Jesus da Costa e Silva, a Presidente Nacional da “Frafem” Cruzeiro do Sul, Cunhada Lígia Castro da Silva e a Presidente da “Frafem-RJ”, Cunhada Lígia Gomes de Souza.

GRÃO-MESTRE GERAL PASSA O COMANDO DO GOB, POR 28 DIAS, AO GRÃO-MESTRE GERAL ADJUNTO



No ultimo 15 de maio.o Soberano Irmão Marcos José da Silva, passou o comando do Grande Oriente do Brasil, por 28 dias, para o Sapientíssimo Irmão Cláudio Roque Buono Ferreira - Grão-Mestre Geral Adjunto, com a presença de várias autoridades maçônicas, em solenidade no Supremo Conselho do Brasil do grau 33 para o Rito Escocês Antigo e Aceito em São Cristovam no Rio de Janeiro RJ.

A transmissão do Grão-Mestrado deu-se no Rio de Janeiro por ocasião da Sessão Magna Pública Comemorativa aos 200 anos da criação da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, feita pelo Grande Oriente do Estado do Rio de Janeiro. Oportunidade em que a sede do GOB foi transferida para o Rio de Janeiro na semana de 11 a 15 de maio.

O Soberano Irmão Marcos José da Silva, licenciou do cargo para uma viagem ao exterior para tratar de assuntos particulares.

terça-feira, 19 de maio de 2009

COMUNICADO DE IMPRENSA da Grande Loja Nacional Portuguesa


MUITO MAIS QUE UMA OBEDIÊNCIA TRADICIONAL

UMA MAÇONARIA EUROPEIA E MUNDIAL
Grande Loja Nacional Portuguesa
Presente para o Mundo

COMUNICADO DE IMPRENSA
NOTA À COMUNICAÇÃO SOCIAL

A Grande Loja Nacional Portuguesa receberá em Portugal, nos dias 22, 23 e 24 de Maio o X Comité da Confederação das Grandes Lojas Unidas na Europa. Na cidade de Lisboa.

Destacamos a presença da Grande Loja da França, da Grande Loja Tradicional e Simbólica – OPERA, das Grandes Lojas de Espanha, Grécia, Itália, Roménia, Líbano, Rússia, Marrocos, de entre outras.

Um encontro em Lisboa que representa a maior dimensão maçónica pan-europeia ocorrida nos últimos anos em Portugal.

Estarão presentes mais de 41 individualides estrangeiras.

Às 18H00 do dia 23 de Maio a Grande Loja Nacional Portuguesa e o Muito Respeitável grão-mestre Álvaro Carva e os Grandes Oficiais receberão o Presidente da Confederação das Grandes Lojas Unidas da Europa, Jean-Claude Bousquet em sessão ritualistica.

Portugal, Palácio Maçónico, Maio de 2009

O Grande Chanceler da Informação
F.Reis

GRANDE LOJA NACIONAL PORTUGUESA, Maçonaria Tradicional ou Regular Continental


Raízes, História e Actualidade


A Grande Loja Nacional Portuguesa é uma Obediência maçónica masculina, portuguesa que foi constituída com 4 (quatro) Lojas, 50 Obreiros, provenientes da Obediência regularmente consagrada pela Grande Loja Nacional Francesa, denominada Grande Loja Regular de Portugal. Esta última Obediência sofreu ainda uma outra cisão em 1996 que resultou na formação da Grande Loja Legal de Portugal - GLRP.

A Grande Loja Nacional Portuguesa foi formalmente constituída, a 09 de Março de 2000 no Cartório Notarial de Macedo de Cavaleiros, tendo sido reconhecida de imediato pela Maçonaria Regular Continental, em contraponto com a Maçonaria Regular Anglo-saxónica que reconheceu a Grande Loja Legal de Portugal- GLRP.

A Maçonaria tradicional ou regular continental assume a presença em Loja das chamadas Três Grandes Luzes da Maçonaria: o Esquadro, o Compasso e o Volume da Lei Sagrada. A Maçonaria praticada inspira-se na habitual Tradição da cultura maçónica continental de inspiração judaica-cristã, iniciando os seus trabalhos com a Bíblia aberta no prólogo do 4º Evangelho, João. Toleram ainda a presença de outros Volumes da Lei Sagrada, junto à Bíblia, no momento da prestação do juramento profano, no dia da iniciação, se a pessoa a ser admitida pertencer a uma religião diferente. A Bíblia na Maçonaria tradicional continental representa um símbolo e não é interpretado como um livro de qualquer religião revelada, mesmo que seja a do novo iniciado.

Na Maçonaria regular continental não é usado um livro em branco, ou a própria Constituição da Obediência, como se pratica noutras Obediências. Para estes maçons, o livro branco é considerado um arquétipo carente de sentido. E, praticando eles uma Maçonaria Tradicional ou de regularidade continental, a presença de um livro em branco não representa qualquer tradição, nem transmite qualquer origem.

A Maçonaria regular continental ou tradicional reconhece o Grande Arquitecto do Universo como um Principio. O Princípio da causa activa e original, considerando-o assim um símbolo menos redutor e menos determinante que a interpretação de Deus revelado das religiões e com enfoque metafísico acessível à razão humana. Para eles, o conceito tem a vantagem de conciliar as religiões dogmáticas e as religiões que não reconhecem a existência de um Deus criador ou de um demiurgo. Daí procuram o universalismo, praticando desta forma o Rito Escocês Antigo e Aceite que consideram assim ascender do incognoscível ao cognoscível, de vincular o visível e o invisível, de propor uma união do humano com o divino.

O rito que praticam na Grande Loja Nacional Portuguesa não deve ser confundido com religião e sentimento religioso. O Rito Escocês Antigo e Aceite que praticam desde a fundação da Grande Loja e na sequência do mesmo que foi desenvolvido na Europa, não é por estes maçons entendido como um substituto da religião, pela razão de que não se entregam a uma verdade revelada e não vão à Loja para adorar nela o Eterno. Trabalham em sua Glória e praticam a evocação do Grande Arquitecto do Universo no caminho do transcendente, cabendo a cada um desses maçons interpretar esse símbolo em função do seu próprio entendimento.

Consideram-se uma Obediência exclusivamente masculina por não aceitarem a maçonaria envolvida numa confusão de géneros. Aceitam a liberdade das mulheres mas não consideram essa igualdade como um sinónimo de uniformidade ou de identidade. Consideram existir diferenças entre o homem e a mulher, concretizadas pela lei da natureza. Como se relacionam tendo por base a Tradição, têm em conta os Antigos Deveres dos Maçons que publicam nos seus rituais: tanto a maçonaria dos Antigos como a dos Modernos é considerada uma fraternidade de homens livres e de bons costumes. Esta interdição continua a ser para eles uma marca fundamental da maçonaria regular ou tradicional que assim foi considerada desde a sua origem, uma sociedade de construtores. Consideram que a comunhão de espíritos e dos corações não se limita à prática de um ritual pelo que fora dos Templos estão sempre abertos a todas as manifestações de carácter fraternal.

No Rito Escocês Antigo e Aceite que praticam em exclusivo, consideram-no um rito iniciático racional. Procuram demonstrar internamente que os maçons não devem confundir Tradição com Conservadorismo, da mesma maneira que não devem confundir Espiritualidade com Religião, Modernidade e Modernismo. Não expondo assim, em qualquer circunstância, um processo iniciático aos olhar público e profano.

Consideram a Tradição como algo que se transmite de uma maneira viva, pela palavra, pela escrita e pelas diversas formas de actuar. Dizem que a Tradição é a vida em movimento, segundo a ordem cósmica, até a um melhor pensar, um melhor decidir, um melhor ser, fundamento do único progresso que consideram digno dos potenciais humanos.Defendem que a Tradição é uma fonte original que não se esgota nem se substitui. Por serem Tradicionais representam uma vida de sentimentos, pensamentos, crenças, aspirações e acções.

Transmitem aquilo que gerações sucessivas têm igualmente que perdurar e procuram legar como condição permanente de vivificação, de participação numa realidade em que o esforço individual e sucessivo pode alimentar-se indefinidamente sem esgotá-la. Sobre esta Tradição implicam uma comunhão espiritual das almas que promovem, pensam e se querem unidas por um mesmo ideal.Consideram que o Rito Escocês Antigo e Aceite é a autoridade da Razão. Que a Razão procede a Fé, sendo estes dois elementos-chave da espiritualidade do Rito que nada tem a ver com religiosidade. Explicam nas suas vinte e duas Lojas que a Religião não é mais do que uma organização material, extrínseca à espiritualidade. Ultrapassando assim o marco das religiões. Que a Espiritualidade existiu antes delas, desde que o homem tomou consciência da sua existência e da sua relação com o Universo. Explicam com insistência que o Rito se caracteriza pela Razão e pela Fé; não da Fé numa verdade revelada, mas num Princípio que se rege segundo leis imutáveis e suficientemente fortes que denominam Grande Arquitecto do Universo. Segundo eles, um maçon esforça-se por se conformar a uma Ordem, por actuar de acordo com umas regras para criar o seu Templo interior. E, com a Razão e a Fé, acedem ao sagrado. Enquadrando desta forma a Iniciação: o adepto não se trata como um demiurgo neoplatônico ou gnóstico, de dominar a natureza e transformar o mundo, mas de aprender a dominar a sua natureza e transformar-se a si mesmo para ver o mundo de outra forma. Mediante esta ascensão que o leva ao transcendente, o maçon consegue espiritualizar-se à sua maneira e, pessoalmente, de sentir a sua pertença ao universo. Esta maneira pessoal produz-se primeiramente pela apreensão dos pequenos mistérios que colocam o Homem no caminho de uma busca ampliada até si mesmo e aos seus semelhantes. Segundo a Maçonaria Tradicional utilizam os símbolos ou utensílios maçónicos para melhor conhecerem os elementos constitutivos da sua existência. Chegam gradualmente a saciar a sua ignorância original, aprendendo que o trabalho ajuda a corrigir os seus defeitos e os seus erros.Com isto querem que o maçon tome consciência do valor da sua própria existência, que aprende a venerar como bem inalienável que devem cultivar com esmero.

Promoveram individualmente, como maçons, a criação de um Supremo Conselho de Portugal do Rito Escocês Antigo e Aceite para que melhor instruísse os elementos constitutivos dos graus seguintes, remontando alguns ao século XIII. O seu espírito remonta a uma época muito antes do período judaico-cristão; a sua filosofia é muito anterior à Antiguidade greco-romana. A Grande Loja Nacional Portuguesa pratica a sua Maçonaria sem eliminar do seu método de trabalho nenhum dos símbolos e mantendo o maior escrúpulo na realização ritualizada do mesmo.

Mantém excelentes relações oficiais com mais de setenta Obediências maçónicas mundiais. Com estes Tratados mantém uma esfera de influência importante, a nível mundial, ao envolver-se na regularidade maçónica tradicional. A Grande Loja Nacional Portuguesa organiza também conferências e actos públicos de difusão maçónica e participa em iniciativas de interesse social, mas mantém uma grande discrição e não se compromete ou envolve, como Instituição, em temas ideológicos paralelos, deixando tais iniciativas ao livre arbítrio pessoal dos seus filiados.

A Grande Loja Nacional Portuguesa encontra-se sediada no solar aristocrático barroco setecentista do Palácio dos Condes de Vinhais, em Mirandela.

Esta Obediência é composta pelas seguintes Lojas: D. Afonso Henriques nº 1, Fraternidade nº.2, Mestre Hiram nº. 3, Liberdade nº. 4, Identidade nº. 5, Sabedoria nº. 6, S. Jorge nº. 7, Amizade nº. 8, Trabalho nº. 9, Fernando Pessoa nº. 10, S. Pedro nº. 11, Casa Real dos Pedreiros Livres da Luisitânia nº. 12, Santiago nº. 13, Iberia Fraternitas nº. 14, David nº. 15, Estrela do Oriente nº. 16, Coríntia nº. 17, Almeida Garrett nº. 18, Dómus nº. 19, Viriato nº. 20, Cavaleiros da Luz nº. 21, José Damião nº. 22, além da Loja de Investigação Tomás Cabreira.

Integrando mais de 500 Obreiros e sendo uma das pricipais Obediências nacionais, trabalha nos três primeiros graus simbólicos do Rito Escocês Antigo e Aceite (1º grau, Aprendiz; 2º grau, Companheiro; 3º grau, Mestre Maçon).

Criou o Centro de Estudos Fernando Pessoa que promove e organiza colóquios e congressos, tendo realizado em Lisboa, no dia 25 de Março de 2006 o I Congresso Maçónico aberto ao público, numa Universidade e amplamente divulgado na comunicação social.

A Grande Loja Nacional Portuguesa integra ainda a corrente de fraternidade interobediencial pan-europeia que a inspira, projecto maçónico que foi inicialmente consolidante com a perspectiva da União Europeia e agora alargado a todos os Continentes e que se denomina por Confederação das Grandes Lojas Unidas na Europa. Fazem parte desta Confederação, para além da Grande Loja Nacional Portuguesa, a Grande Loja de França, com 35 mil Obreiros, a Grande Loja Tradicional e Simbólica – OPERA, a Grande Loja da Sérvia, a Grande Loja das Canárias, a Grande Loja da Grécia, a Grande Loja Unida do Líbano, a Grande Loja Nacional do Líbano, a Grande Loja Nacional da Roménia, a Grande Loja Geral Italiana, de entre outras.

Em 2004 realizou-se no Porto e em Vila Real de Trás-os-Montes a IV reunião do Comité da Confederação das Grandes Lojas Unidas da Europa na presença de 450 maçons, oriundos da Grande Loja Nacional Portuguesa e de convidados de diversos países limítrofes e europeus. Esta cerimónia foi presidida pelo grão-mestre português Álvaro Carva, estando como Presidente da Confederação das Grandes Lojas Unidas da Europa, Jean-Claude Bousquet e que foi grão-mestre da Grande Loja da França. Foi, nessa data, criada por designers nacionais uma medalha comemorativa deste encontro.O seu dirigente nacional assume o título de Grão-Mestre, sendo o seu primeiro responsável máximo Álvaro Carva, para o mandato de 2000–2005.

Em 2005 efectuaram as primeiras eleições e em 2006 tomou posse como II Grão-Mestre e I Grão-Mestre Eleito, após votação favorável dos Mestres Maçons o seu anterior responsável – o Mestre Instalado Álvaro Carva, para o mandato 2006-2008. Que tomou posse em Lisboa, na presença de 250 Obreiros e de 18 delegações internacionais provenientes de todos os Continentes, tendo recebido o malhete - após ter circulado por todos os grão-mestres presentes – e que lhe foi directamente entregue pelo Presidente da Confederação das Grandes Lojas Unidas da Europa que vigorava nessa data: Bernard Bertry, past- grão-mestre da Grande Loja Tradicional e Simbólica – OPERA, que conta com 15 mil membros.

O grão-mestre é eleito pelos representantes Mestre Maçons, após sancionamento pelo Grande Conselho de Mestres e, exceptuando-se na Escandinávia e na Grã-Bretanha, onde o Rei é o presidente nato e vitalício, na Grande Loja Nacional Portuguesa o mandato é de dois anos e são promovidas eleições gerais. Não podendo o grão-mestre transgredir as normas internas e constitucionais ou regulamentares. Na Grande Loja Nacional Portuguesa os restantes Grandes Oficiais, com excepção do Grande Tesoureiro são escolhidos pelo grão-mestre após sancionamento por parte do Grande Conselho de Mestres e, nalgumas Obediências este Órgão de Estrutura pode assumir outros nomes: Grande Conselho, Conselho Federal, Grande Capítulo, Conselho de Curadores.

Na Grande Loja Nacional Portuguesa o Grande Tesoureiro é eleito de entre todos como norma reguladora e de separação clara entre a responsabilidade espiritual e a financeira. Desde 2000 que a Grande Loja Nacional Portuguesa tem renovado o mandato a José Prudêncio (2000-2005), (2006-2008) e, agora, para o mandato (2008-2010). O Grande Oficial e Grande Tesoureiro José Prudêncio é TOC e apresenta, tal como definem o Regulamento Geral, as contas da Obediência anualmente. Que têm de ser discutidas, avaliadas, inspeccionadas e aprovadas em Assembleia Geral de Grande Loja.

O Regulamento Geral da Grande Loja Nacional Portuguesa prevê após a primeira votação mandatos de dois em dois anos. Em conformidade, em 2008 procederam de novo às eleições e os Mestres Maçons decidiram indicar como III grão-mestre da Grande Loja Nacional Portuguesa, o Mestre Instalado Jorge Barata da Silva, de Tavira, para o mandato 2008-2010. Que tomou posse a 20 de Abril de 2008 na presença de 250 Obreiros, para além dos representantes das Lojas da Grande Loja e de 15 delegações internacionais na cidade do Porto.

Ainda no ano 2008, o Muito Respeitável grão-mestre Jorge Barata da Silva renunciou à função.

A Grande Loja Nacional Portuguesa reuniu e, regular e estatutariamente, decidiu nomear como Muito Respeitável grão-mestre em exercício da Grande Loja Nacional Portuguesa, o Muito Respeitável Irmão Álvaro Carva.

A Grande Loja Nacional Portuguesa instruiu ainda o IV grão-mestre que deveria, de imediato, representar a Grande Loja Nacional Portuguesa na 1º Conferência (universal) de Grandes Lojas do Rito Escocês Antigo e Aceite, a ocorrer em Nápoles, Itália.

Instruiu-o ainda que deveria organizar a recepção, em Maio de 2009, em Lisboa, Portugal, do Co.GLUE – Comité da Confederação de Grandes Lojas Unidas na Europa.

Loja Maçônica Voluntários da Pátria 3440 - C O N V I T E


A Diretoria da Loja Maçônica Voluntários da Pátria 3440, fará realizar no dia 20 de maio, quarta-feira, às 19:30 horas Sessão Magna Festiva em comemoração ao 7º aniversário desta Loja, quando receberemos a Professora HELGA BENNETH, Especialista em Saúde Mental, que fará palestra sobre o tema “SER OU NÃO SER NORMAL. EIS A ETERNA QUESTÃO”, sito na Rua 15 esquina com a rua 30 Qd. J14 Lt.03, Setor Marista – Goiânia GO.

Donaldo Messias Rodrigues
Venerável-Mestre

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Raízes maçônicas para a expressão mineira “UAI”


Segundo o odontólogo Sr. Sílvio Carneiro e a professora Dorália Galesso, foi o Presidente Juscelino Kubitschek que os incentivou a pesquisar a origem da expressão “UAI”, do Estado de Minas Gerais. Depois de exaustiva busca nos anais da Arquidiocese de Diamantina e em antigos arquivos do Estado Mineiro, Dorália encontrou a explicação provavelmente confiável.

Os Inconfidentes Mineiros, patriotas, mas considerados subversivos pela Coroa Portuguesa, comunicavam-se através de senhas para se protegerem da polícia lusitana. Como conspiravam em porões e sendo quase todos de origem Maçônica, recebiam os companheiros com as três batidas clássicas da Maçonaria nas portas dos esconderijos. Lá de dentro, perguntavam: quem é? E os de foram respondiam: UAI – as iniciais de União, Amor e Independência. Só mediante o uso dessa senha, a porta seria aberta aos visitantes.

Conjurada a revolta, sobrou a senha que acabou virando costume entre as gentes das alterosas. Os mineiros assumiram a simpática palavrinha e, a partir de então, a incorporaram ao vocabulário quotidiano, quase tão indispensável como tutu e trem, Uai, só entre outras.

Editora Madras lança livro “História do Grande Oriente do Brasil”


A Editora Madras acaba de lançar, o livro “História do Grande Oriente do Brasil”. A obra foi escrita pelos respeitadíssimos historiadores maçônicos do Brasil, Irmãos José Castellani e William Almeida de Carvalho, na qual, possuem uma bagagem de conhecimento histórico invejável.

O livro aborda os principais acontecimentos que marcaram a trajetória da Ordem e do Poder Central da Maçonaria brasileira e de sua atuação nos principais fatos políticos e sociais, como a Abolição da Escravatura, a proclamação da República e a Independência do Brasil.


Os autores mostram os fatos desde a criação das primeiras agremiações e Lojas que antecederam a fundação do GOB, as dificuldades e as conquistas dos maçons brasileiros dos séculos XIX e XX, estendendo-se até os dias atuais, em que a Maçonaria ainda tem participação em diversos segmentos da sociedade brasileira e o Grande Oriente do Brasil busca deixar ao país o exemplo de seriedade dessa Ordem.


O Irmão José Castellani foi iniciado em 9 de novembro de 1965, na Lojas Comércio e Ciências, Oriente de São Paulo-SP. Em sua trajetória maçônica, chegou ao Grau 33 do Rito Escocês Antigo e Aceito, em 1976. Foi fundador de nove Lojas e autor de vários livros relacionados à Ordem. No Grande Oriente de São Paulo, exerceu os cargos de Grande Secretário de Cultura e Relações Públicas.


No Poder Legislativo, atuou como Deputado da AFL. No Poder Executivo do Grande Oriente do Brasil, foi Grande Secretário-Geral de Educação e Cultura, Presidente do Conselho Federal de Cultura e Diretor da Minerva Maçônica. Fundou a Associação Brasileira de Imprensa Maçônica e a Academia Maçônica de Artes, Ciências e Letras.


Dentre as inúmeras condecorações recebidas, foi detentor de vários títulos, entre esses, a Medalha Montezuma, maior condecoração do Supremo Conselho do Brasil para o REAA. O Ir.'. Castellani partiu para o Oriente Eterno em 21 de novembro de 2004, deixando seu exemplo de dedicação à nossa Sublime Ordem.


William Almeida de Carvalho – Obreiro da Loja Equidade & Justiça n° 2336, Grau 33, MPS, QCCC, ex-Diretor da Biblioteca do GOB, ex-Secretário de Educação e Cultura do GODF - GOB; autor de diversos livros e artigos sobre maçonaria (www.freemasons-freemasonry.com/carvalhofr.html), sócio fundador da Loja de Pesquisa do GOB; membro da Scottish Rite Research Society, da Academia Maçônica de Letras do DF, do Brasil e da Paraíba (corres-pondente), da Southern California Research Lodge, da Philalethes Society e da Masonic Library and Museum Association; representante do GOB em Congressos Maçônicos Internacionais em Santiago do Chile e em Edimburgo, na Escócia; mem-bro do Instituto Histórico e Geográfico do DF e da Academia de Letras de Brasília; ex-Secretário de Estado do Distrito Federal; ex-subchefe do Gabinete Civil da Presidência da República; sociólogo e pós-graduado em Administração Pública e doutor em Ciência Política pela Panthéon-Sorbonne; professor da Associação Brasileira de Orçamento Público (ABOP) e conferencista oficial da Asociación Internacional de Presupuesto Público (ASIP).

domingo, 17 de maio de 2009

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA HOMENAGEIA VENERÁVEL DA LOJA OBREIROS DO CERRADO DE JATAÍ GO


A Assembléia Legislativa realizou nesta sexta-feira, 15, Sessão Especial para a entrega de medalhas do Mérito Legislativo Pedro Ludovico Teixeira, de propositura dos deputados Cláudio Meirelles, Cilene Guimarães e Samuel Almeida. As homenagens vão para a ex-presidente do Equador, Rosalía Arteaga, o Tenente-Coronel Ednilson Nicolau dos Santos, o médico Francisco Filgueiras Júnior e o pastor da Assembléia de Deus de Araruama, Júlio César da Silva.

Entregando as medalhas ao Dr. Francisco Filgueiras e ao Tenente-Coronel Ednilson Nicolau, a deputada Cilene Guimarães enfatizou a luta deles por melhores condições de saúde, educação e segurança pública, evidenciando o valor dos homenageados. “Ambos tem militado para alcançar dias melhores para minha região. Dessa forma não poderia deixar de lhes entregar essa medalha pelos relevantes serviços prestados”, incrementou.


O Grande Oriente do Estado de Goiás, foi representado no ato pelos Irmãos Abel Tolentino e Joaquim Araújo, Secretários Estaduais de Informática e Interior, respectivamente e em nome da Ordem e do Grão-Mestre Barbosa Nunes, manifestaram o orgulho e satisfação pela justa homenagem a um Irmão que presta relevantes serviços a Ordem Maçônica, a comunidade da Jataí e a Polícia Militar, motivo pelo qual cumprimentaram e abraçaram o Irmão Ednilson Nicolau dos Santos, Venerável-Mestre da Loja Maçônica Obreiros do Cerrado 3789.

Já o deputado Samuel de Almeida reforçou o trabalho do pastor Julio César Silva com presidiários, crianças de rua e dependentes químicos, ajudando essas pessoas tanto em corpo quanto em alma. “É entre essas e outras atitudes que nos levam a conceder a Medalha do Mérito Legislativo ao pastor Júlio César, que leva sua mensagem evangelizadora Brasil e mundo a fora”, concluiu.

Cláudio Meirelles afirmou sentir profundo respeito por pessoas lutadoras e vencedoras, como sua homenageada, a ex-presidente do Equador, Rosalía Arteaga, que “exerceu um grande trabalho como política e como mulher, lutando por mais cidadania, e pela consolidação e de um elo mais forte entre mulher e política”.


O parlamentar destacou ainda, que a ex-presidente do Equador é a atual secretária geral da Organização do Tratado da Cooperação Amazônica, além de jornalista, advogada, romancista e poetiza. “Rosalía Arteaga estabeleceu metas importantes para a Amazônia, buscando sempre um desenvolvimento sustentável da região, qualidade de vida para a população e uso consciente da floresta”, finalizou.


O Grande Oriente do Estado de Goiás sente-se honrado pela homenagem que a Assembléia Estadual Legislativa de Goiás, através da Deputada Estadual Cilene Guimarães prestou ao Irmão Ednilson Nicolau dos Santos.

LOJA VITÓRIA DA RAZÃO INICIA DOIS NOVOS IRMÃOS E COMEÇA CONSTRUÇÃO DO SALÃO SOCIAL


O Venerável-Mestre Domingos Camelo Pinto, da Loja Maçônica Vitória da Razão 1188 de Itaberaí, presidiu uma bela e organizada Sessão Magna de Iniciação de dois novos Irmãos, Cícero Vieira de Paula e Georthon de Oliveira Reis, nesta sexta-feira, dia 15 de maio.

Juntamente com os Irmãos Adecil Alves da Cruz, João Pereira da Silva, José Ferreira Borges, José Alves Barbosa e Prudêncio Fonseca Pereira, que ocuparam as vigilâncias, oratória, secretaria e 1º experto, demonstraram o quanto o quadro está competente e preparado no rigor da ritualística, para conduzir uma sessão que foi muito prestigiada.

Presentes o Grão-Mestre Barbosa Nunes, o Presidente da Assembléia Estadual Legislativa Mauro Marcondes, o Venerável-Mestre Tarquínio de Brito, da Loja Maçônica Razão e Trabalho 3909 de Faina, o Venerável-Mestre da Loja Maçônica Asilo da Razão 167, Marcio Antônio de Souza, os Sapientíssimos Irmãos Comendadores Sebastião Lucio, Euclides Alves de Oliveira e Almir Neves, os Deputados Estaduais Wilton Rodrigues dos Santos, representante da oficina na Assembléia, José Marques Albuquerque, Bento Bueno e Alexandre Magno Guerra, este já se despedindo do Poder Legislativo, pois estará tomando posse no próximo 27 de maio no cargo de Juiz do Tribunal de Justiça do GOEG, também presente representando o Sereníssimo Grão-Mestre Ruy Rocha, o Delegado na Região Edson Barbosa, e o Secretário Estadual de Orientação Ritualística, Irmão José Rodrigues Paim, que se integrou à cerimônia, trabalhando junto com os irmãos, o que foi ressaltado pelo Venerável-Mestre de ser o Irmão Paim um amigo e trabalhador pela Loja.
Foram padrinhos dos iniciandos os Irmãos José Barbosa e Carlos Rodrigues de Moraes, que foram cumprimentados pelo Grão-Mestre Barbosa Nunes, dentro da campanha “Apresentando pelo menos um novo maçom, você já não será mais 1, você será o dobro”.

O Irmão Barbosa Nunes conheceu a estrutura inicial, já montada em concreto, do novo salão social com area coberta de 866 metros quadrados, sem duvida nenhuma o maior centro social da maçonaria goiana, que muito servirá a comunidade da região para eventos de todos os tipos, inclusive cursos e seminários. O Venerável-Mestre Domingos Camelo explicou todos os detalhes e provavelmente a inauguração acontecerá no dia 12 de setembro, com a presença do Soberano Marcos José da Silva.
Logo após as novas cunhadas no salão aonde foi servido o jantar, Wanessa e Kátia, foram homenageadas recebendo flores da Presidente da Fraternidade Feminina Maria de Fátima, que confirmou a presença de uma comitiva de cunhadas e irmãos na festa junina de 30 de maio próximo, na sede do GOEG.

O Irmão Barbosa Nunes, como sempre, concitou a todos a continuarem com o apoio e consideração com as queridas e ilustres cunhadas, que são na verdade a alegria e a vida de cada Loja Maçônica de Goiás.

Para ver as fotos deste evento clique aqui: Loja Vitória da Razão inicia dois irmãos e começa construção do salão social

Inserção política da Maçonaria


“CONVITE A TODAS AS LOJAS FEDERADAS AO GRANDE ORIENTE DO BRASIL, JURISDICIONADAS AO GRANDE ORIENTE DE SÃO PAULO E PERTENCENTES A 11ª MACRO REGIÃO MAÇÔNICA DO GRÃO-MESTRADO”.
Ao fraternalmente cumprimentá-los, venho convidar todos os Amados e Poderosos Irmãos deste Augusto Quadro, para participarem da palestra que será ministrada pelo Amado Irmão Milton Martyniak – (Coordenador Regional), intitulada "INSERÇÃO POLÍTICA DA MAÇONARIA", a ser realizada no dia 19 de maio de 2009, às 20h00, no Templo do Palácio Maçônico Fraternidade e Integridade Taubateana, situado na Rua Manoel Wanordem de Castro, 160, Terra Nova, Taubaté/SP.
Odorico Passarelli Jr - MM – CIM: 220.550. Coordenador Distrital da 11ª-9 Macro Região Distrital do GOSP ARLS Vigilantes de Taubaté - nº 3.056. Federada ao GOB–Jurisdicionada ao GOSP-Rito Adonhiramita. Rua Felipe Santiago de Paula, nº 33 – Centro. PALÁCIO MAÇÔNICO “FORÇA, VIDA E CONSCIÊNCIA”. Or:.de Taubaté – SP. Email: passarellijunior@hotmail.com

sábado, 16 de maio de 2009

Janir Adir Moreira - Grão Mestre



Natural de Moeda - MG, foi agraciado com o título de Cidadão Honorário de Belo Horizonte. Tem 57 anos de idade, conta com o apoio inconteste de nossa cunhada Maria Zirlei da Silva Moreira e de suas filhas Andrezza, Alessandra e Vanice Rachel. Advogado tributarista, Professor de Direito Tributário e contabilista com larga experiência profissional no Brasil e Exterior, Presidente das empresas Janir Adir Moreira & Advogados Associados e Janir Moreira & Contadores Associados.
Membro do Conselho de Ética da ANE - Academia Nacional de Economia; Secretário Geral da Academia Brasileira de Ciências Contábeis; Acadêmico Titular da Academia Brasileira de Ciências Econômicas, Políticas e Sociais e Acadêmico Titular da Academia Mineira Maçônica de Letras.

Em seus 29 anos de iniciado, detém grande experiência administrativa, já tendo ocupado os mais variados cargos em Loja e na GLMMG. Foi Venerável Mestre da Loja Obreiros da Verdade nº 52 por dois mandatos, Grande Secretário das Relações Interiores e Grande Secretário da GLMMG, Membro da Câmara de Justiça da GLMMG, Grande 1º Vigilante por dois mandatos consecutivos, tendo se desincompatibilizado para disputar o cargo de Grão-Mestre. Investido no Grau 33 em 1987.

Tem ativa participação nos movimentos sociais e políticos do País, em defesa dos interesses da coletividade e de nossa Instituição. Foi um dos idealizadores do grande movimento nacional iniciado na Assembléia Legislativa de Minas Gerais em Audiência Pública e concluído no Congresso Nacional com a presença de mais de 1.000 entidades de classe, e que resultou na derrubada da Medida Provisória nº 232 (que aumentava substancialmente os impostos).

Sempre teve participação ativa como dirigente de entidades de classe, ocupando e tendo ocupado os cargos de Vice-Presidente da ABRADT - Associação Brasileira de Direito Tributário; Membro da Comissão de Assuntos Tributários do CFC no Congresso Nacional; Membro do Conselho de Assuntos Jurídicos da Associação Comercial de Minas; Membro do Conselho Deliberativo da União dos Varejistas de Minas Gerais; Membro fundador da Associação Brasileira de Custos; Ex Presidente da Comissão de Integração da Confederação Latino Americana de Profissionais Universitários – CLAPU – Buenos Aires; Diretor da Confederação Nacional das Profissões Liberais – CNPL, Vice-Presidente do Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais; Presidente da Federação dos Contabilistas do Estado de Minas Gerais.

Escritor e colaborador de jornais e revistas no Brasil e Exterior, destacando-se: Jornal O Estado de Minas, Diário do Comércio, Revista IOB, Contalex, Jornal Técnico de Contas de Empresas de Lisboa, Revista da Universidade Autônoma de Madrid, Revista da Universidade do Porto, dentre outros. Homenageado com as mais variadas comendas de instituições maçônicas e não-maçônicas, destacando-se: Comenda Mário Bhering da GLMMG; Construtor do Templo – GLMMG e Comendas das Universidades de Coimbra, Lisboa, Aveiro e Porto - Portugal; Marinha de Guerra - Portugal; Ministério do Exército - Portugal; Universidade Autônoma de Madrid, Associacion Española de Contabilidad Directiva, Hospices de Beaune - France, Instituto Internacional de Costos- Madrid - Espanha, Colar do Mérito Tiradentes da Ordem dos Cavaleiros da Inconfidência Mineira.


janir@janirmoreira.com.br - janir@chapaevolucao.com.br

Leonel Ricardo de Andrade - Grande 1º Vigilante


Médico especialista em Medicina do Trabalho e Pediatria. Membro Titular da Associação Nacional de Medicina do Trabalho - ANAMT e da Sociedade Brasileira de Pediatria - SBP. Coordenador de Saúde Ocupacional e Médico do Trabalho da Souza Cruz S.A., desde 1997 e Médico Pediatra da Secretaria Municipal de Saúde de Uberlândia há 21 anos.


Coordenador de Saúde Ocupacional e Médico do Trabalho da Souza Cruz S.A., desde 1997 e Médico Pediatra da Secretaria Municipal de Saúde de Uberlândia há 21 anos. Atua em diversas áreas da saúde ocupacional, em especial no desenvolvimento de programas preventivos, de qualidade de vida e preservação ambiental. Atua ainda como perito assistente técnico de empresas, no campo da Justiça do Trabalho.

Autor de diversos artigos sobre questões sociais, políticas, culturais e ambientais e de diversas palestras maçônicas e outros temas variados, tais como: qualidade de vida, responsabilidade social, trabalho voluntário, gestão de recursos humanos, Liderança, entre outras, desenvolvidas junto as mais variadas Instituições e oportunidades, tais como: Escolas, Empresas, Seminários, Congressos e, Corporações. É participante ativo de congressos, encontros e seminários em suas áreas de atuação. Natural de Tupaciguara - MG foi agraciado com o título de Cidadão Honorário de Uberlândia. Com 48 anos de idade, conta com o apoio irrestrito de nossa Cunhada Maria Inêz Ferreira e de suas filhas Isabela e Gabriela.

Iniciado na Sublime Ordem em 1996, na ARLS Angelino Pavan 105. Ocupou variados cargos em sua Oficina e, com muita honra foi o seu Venerável Mestre por duas gestões. Até 12 de janeiro deste ano ocupou o cargo de Grande 2º Vigilante da GLMMG. Foi Presidente do Conselho de Veneráveis Mestres do Triângulo - 2003/2004. Em sua gestão, com o apoio e o trabalho de valorosos Irmãos, foi criado o Seminário Maçônico do Triângulo e Alto Paranaíba, que já se encontra em seu 6º evento.

É o atual 1º Vice-presidente (voluntário) da Fundação Maçônica Manoel dos Santos - FMMS - www.fmms.com.br, com sede em Uberlândia e que emprega mais de 2000 colaboradores que atuam nos mais diversos setores da saúde pública da cidade, no atendimento de uma população regional de mais de 1,5 milhão de habitantes.É detentor de comendas maçônicas outorgadas por diversas Lojas maçônicas e pela GLMMG, destacando-se: Comenda Mário Bhering e Grande Medalha de Honra ao Mérito Manoel dos Reis Corrêa. Membro Honorário da Centenária Loja Maçônica Estrela Montealegrense - GOB - MG.


landrade33@netsite.com.br - leonel@chapaevolucao.com.br

Geraldo Eustáquio (Tataco) - Grande 2º Vigilante


Natural de Curvelo-MG, onde nasceu em 20.07.1947, é casado com a cunhada Maria Aparecida (Branca), tendo 3 filhos: Rômulo, Renato (Maçom, membro da Loja Arte no. 230) e Raphael.Aposentou-se como Gerente Geral de Agência do Banco do Brasil, onde trabalhou de 1971 a 2006, tendo adquirido larga experiência administrativa nos vários cargos que assumiu, dentre eles: Sub-Gerente, Gerente de Administração e Gerente Geral.


Na Superintendência também ocupou os cargos de Assessor e Coordenador de Equipes e de Gerente de Negócios. Estudioso e com acentuado espírito de liderança, em sua carreira participou de inúmeros cursos, seminários, congressos e treinamentos, tendo-se destacado como Administrador do BB e Gerente Desenvolvedor da Universidade Corporativa do Banco do Brasil. Anteriormente foi Contador Geral de importante empresa de transportes. É também graduado em Letras, com Pós-Graduação “latu sensu” em “Educação e Gestão Empresarial” e em “GMP – Gerenciamento de Micro e Pequenas Empresas”.

Exerceu cargos de destaque no Lions Club e Rotary Club de várias cidades, sendo também ADESGUIANO (XXXIII – CEPE – T-2001) e membro, no Grau de Cavaleiro, da Ordem dos Cavaleiros da Inconfidência Mineira – OCIM. Iniciado em 13.04.1991 na ARLS Arte Real nº 230, ocupou vários cargos, tendo sido Venerável Mestre por 2 mandatos consecutivos: 2004/2006 e 2006/2008. Na GLMMG exerceu os cargos de Juiz e Vice-Presidente da Egrégia Câmara Superior de Recursos e Deputado e Secretário da Sapiente Câmara Legislativa Maçônica até janeiro/2009, desincompatibilizando-se para concorrer ao cargo de Grande 2º. Vigilante. Fundador e Tesoureiro da Loja Maçônica de Pesquisas “Quatuor Coronati” Pedro Campos de Miranda e participa do Conselho Deliberativo da Sociedade dos Amigos da Biblioteca Mário Bhering – SABER.Grande Inspetor Geral da Ordem, Grau 33, Secretário do Conselho de Cavaleiros Kadosch Jacques Demolay (Graus 19 a 30).

Participa da Ordem Demolay há 17 anos, tendo sido Presidente do Conselho Consultivo do Capítulo Arte Real nº 141 e Delegado Regional para o Estado de Minas Gerais. Participante ativo de seminários, congressos e cursos na Maçonaria e na Ordem Demolay, destacando-se as Assembléias Gerais da CMSB e 1º Congresso Internacional de Maçons. Homenageado inúmeras vezes na Ordem Maçônica, recebeu vários diplomas e comendas, sendo ainda detentor das Medalhas do Mérito Humanitário e do Mérito Gonçalves Ledo da Ordem dos Cavaleiros da Inconfidência Mineira.


tataco@uai.com.br - tataco@chapaevolucao.com.br

Chapa Evolução - Programas e Metas


METAS

Desenvolveremos um arrojado programa de trabalho que será exposto aos Irmãos ao longo do período de campanha, ou seja, até o dia 18.05.2009, e terá por objetivos o alcance das seguintes metas, dentre outras:

Gestão: Administração moderna dinâmica e eficiente, com aproveitamento das potencialidades pessoais.

Representatividade: Colaboração e proximidade com entidades da sociedade organizada, órgãos públicos, governos, meio empresarial, dentre outros.

Cooperativismo e Associativismo: Criação da Cooperativa Maçônica de Crédito e da Fundação Maçônica da GLMMG.

Atividades Educacionais, Culturais e Ritualísticas: Criação da Faculdade Maçônica de Minas Gerais como braço educacional da Fundação Maçônica da GLMMG, Incentivo ao estudo e pesquisa maçônicos, valorização da ritualística, preservação das tradições maçônicas, ampliação das atividades da Escola de Maçonaria.

Integração e Apoio às Lojas: Capital e interior. Assembléias regionais, palestras, círculos de estudos, preservação da ritualística e das tradições. Proposição orçamentária de programas de redução de taxas e incentivo à participação nas plenárias.

Apoio e Ação Social: Políticas de apoio à família maçônica nas áreas de saúde, educação, formação profissional, oportunidades de trabalho e parcerias. Serviço de Atendimento ao Maçom - SAM.
Participação Social e Política: Movimentos de cunho social, econômico e político, em defesa dos ideais maçônicos e da sociedade.

Comunicação: “Revista Maçônica” e “Jornal da GLMMG”, Banco de oportunidades (empregos e negócios), Site (Portal de conteúdo, sistema de comunicação).

Informatização: Conclusão do programa de informatização das Lojas. Hospedagem de sites das Lojas.

Legislação: ”Promoção de uma “Constituinte Maçônica” buscando uma Constituição moderna e dotada de instrumentalidade suficiente para garantir uma gestão eficaz, seguida de uma adequação do Regulamento Geral e demais leis de regência.

Entidades Paramaçônicas: Apoio às fraternidades femininas, Capítulos “De Molay” e “Filhas de Jó”.

Valores Morais e Éticos: Essência da instituição. Preservação.
Progresso e Evolução: Crescimento com qualidade.

Palavra do Irmão Janir Adir Moreira - Grande Loja Maçônica Minas Gerais




"Nesta oportunidade também enaltecemos a qualidade desses debates, onde acima de tudo prevaleceu a ética e o respeito aos nossos Irmãos concorrentes da outra chapa, consubstanciando assim a preservação de nossos valores morais, que é a característica básica dos homens livres e de bons costumes. Entendemos que a motivação é e sempre será o grande caminho que nos possibilitará a concretização dessa parceria que estamos propondo aos queridos Irmãos, pois entendemos que a administração da Grande Loja deve ser dinâmica, moderna, altruísta, mas acima de tudo, participativa. Necessitaremos contar com o trabalho e a participação de nossos Irmãos durante toda a gestão."



"A participação no processo eletivo é de fundamental importância para a valorização da democracia, e nesta oportunidade concitamos o ilustre Irmão ao comparecimento para as ELEIÇÕES GERAIS que realizar-se-ão na próxima segunda-feira, dia 18, no horário de 19:00 hs., até às 22:00 hs., em cada Loja. A eleição não será em sessão ritualística, e assim não haverá necessidade de permanência do Irmão durante todo o tempo, podendo, por conseguinte votar e se retirar imediatamente, se assim o desejar. Visando evitarmos a abstenção, e considerando que o nosso cadastro possa estar desatualizado ou incompleto e assim não alcançarmos todos os Irmãos."


Contamos com o seu apoio e voto na CHAPA EVOLUÇÃO, e nesta oportunidade o convidamos a visitar o nosso site www.chapaevolucao.com.br , onde poderá visualizar os nossos currículos, metas de trabalho, mensagens, notas, além da galeria de fotos que registraram a nossa presença em muitas Lojas e eventos durante esta campanha. No site há também um espaço destinado à palavra dos Irmãos, e se você julgar conveniente solicitamos deixar uma mensagem para registrar o seu apoio, opinião, crítica ou sugestão.


Informamos que a apuração oficial das ELEIÇÕES será feita pela Egrégia Câmara de Justiça da GLMMG, após o recebimento das atas conclusivas com o resultado de cada Loja, todavia, a CHAPA EVOLUÇÃO organizou um SISTEMA PARALELO DE APURAÇÃO, através do qual imediatamente após a finalização das ELEIÇÕES já será possível fazer o acompanhamento dos resultados de cada Loja com as respectivas totalizações, através do site www.chapaevolucao.com.br , com base nas informações que obtivermos. Ressaltamos, que esse sistema paralelo de apuração não tem valor oficial, servindo apenas como referência.


CHAPA EVOLUÇÃO - TEL: (31) 9996-0303

Comitê: Av. Brasil, 510, sala 308 - Belo Horizonte - MG - CEP 30140-001Telefone: (31) 9996-0303 - E-mail: comite@chapaevolucao.com.br
Janir Adir Moreira: janir@janirmoreira.com.br
Leonel Ricardo de Andrade: leonel@chapaevolucao.com.br
Geraldo Eustáquio (Tataco): tataco@chapaevolucao.com.br



Leonel Ricardo de Andrade
Candidato a Grande 1º Vigilante
Geraldo Eustáquio Coelho de Freitas (TATACO)
Candidato a Grande 2º Vigilante
Janir Adir Moreira
Candidato a Grão-Mestre

sexta-feira, 15 de maio de 2009

CONSTRUÇÃO DO TEMPLO DA LOJA OBREIROS DO CERRADO CONTINUA EM RITMO ACELERADO



É com alegria que recebemos do Irmão Gilmar Moura - Deputado Federal, hoje (15/05/09), as fotos do andamento da construção do templo próprio da Loja Maçônica Obreiros do Cerrado 3789 de Jataí GO. A Loja Maçônica Obreiros do Cerrado 3789 foi fundada em 22 de julho de 2006 no Oriente de Jataí GO, trabalha no Rito Brasileiro, é jurisdicionada ao Grande Oriente do Estado de Goiás, e no dia 28 de março deste ano lançou a pedra fundamental da construção do templo próprio sob o comando do Venerável-Mestre Ednilson Nicolau dos Santos, que é Tenente Coronel e Comandante do 14º Comando Regional da Polícia Militar de Goiás com sede em Jataí.




O Grão-Mestrado do GOEG parabeniza e saúda ao Venerável e demais Irmãos da Loja Obreiros do Cerrado 3789, pela grande esforço e animação na construção de mais um templo para a pratica da virtude e do crescimento moral e espiritual de seus obreiros e a comunidade.

LOJA ACÁCIA BRASILIENSE REALIZA ELEIÇÃO E ELEGE NOVA DIRETORIA


Em sessão no dia 11 de maio, segunda-feira, a Loja Maçônica Acácia Brasiliense de Goiânia, presidida pelo Venerável-Mestre José Batista Faleiro, e integrada pelo Grão-Mestre Barbosa Nunes, que esteve presente e votando na chapa única apresentada, foi eleita a nova diretoria, assim composta: Venerável-Mestre Jales Alves Gomes, 1º Vigilante Nivaldo Alves de Brito, 2º Vigilante Cláudio Martins de Assunção, Secretário Nélio Cintra de Amorin, Tesoureiro Antônio Marcilio de Faria, e Chanceler Abel Araújo Filho.

A Loja Maçônica Acácia Brasiliense em administração muito produtiva da diretoria presidida pelo Irmão José Batista Faleiro, está concluindo nos próximos dias a construção de três salas comerciais em sua sede própria na avenida Bernardo Sayão, o que gerará bons recursos em favor da oficina, pois é um local considerado de muito interesse comercial para aluguel.

GRÃO-MESTRE VISITA PRESIDENTE DA AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO


Por agendamento do Irmão e Jornalista Olavo Tormin, o Grão-Mestre Barbosa Nunes, foi recebido, no dia 11/05, pelo presidente da Agência Goiana de Comunicação - AGECOM, Jornalista Marcus Vinicius de Faria Felipe, em seu gabinete, que administra todo o complexo de divulgação do Governo do Estado, entre os quais sobressai-se a TV Brasil Central e Rádios Brasil Central AM e FM.

Vários assuntos foram tratados, inclusive o de agradecimento do GOEG, pelo espaço sempre concedido, quando o presidente da AGECOM reafirmou interesse em divulgação do Programa Maçonaria Contra as Drogas – A Favor da Vida.

Recordar João Soares Louro


Grande Oriente Lusitano
João Soares Louro faleceu há pouco mais de um ano. Algarvio de alma e coração, nascido a 12 de Fevereiro de 1933, frequentou a Casa Pia, instituição a que ficou indelevelmente ligado. Foi um dos mais influentes e marcantes gestores da RTP e, também, um grande maçon, como um dia dele disse António Reis, actual Grão-Mestre do GOL- Maçonaria Portuguesa. O nosso irmão Pimenta, da Loja Alberto Sampaio, onde Soares Louro foi obreiro, recordou-o numa sentida prancha que aqui reproduzimos.

Um grande maçon

Soares Louro foi membro do I Governo Constitucional, ocupando o cargo de Subsecretário de Estado para a Comunicação Social, Deputado do Partido Socialista entre 1976 e 1978, gestor de várias empresas públicas, RTP, RDP, Rádio Televisão Comercial, Expo 98, Parque Expo, entre outras, e colaborador das Universidades Fernando Pessoa e Nova de Lisboa.

No entanto, o seu percurso profissional e humano estará indissoluvelmente associado à RTP, para onde entrou como escriturário, aos 24 anos, tendo exercido várias funções antes de ser um dos seus mais influentes e marcantes gestores. Presidente do Conselho de Administração, durante menos de dois anos, entre Março de 1978 e Fevereiro de 1980, nem por isso Soares Louro deixou de transformar profundamente a estação pública portuguesa de televisão, no desenvolvimento da RTP2 como canal autónomo, na passagem do preto e branco à televisão a cores e no reequipamento técnico da empresa.

Farense por nascimento e opção clubística, casapiano, socialista e maçon, Soares Louro foi reconhecidamente um modelo de competência e dedicação na gestão da coisa pública. Era também um homem sensível, solidário, de trato fácil, informal e frontal, com perfil de líder, tolerante, com um apurado sentido de humor, bom conversador e amante das coisas boas da vida. Em suma, o João cultivava as virtudes dos homens livres e de bons costumes.

O Grão-Mestre do Grande Oriente Lusitano, António Reis, definiu o antigo presidente da RTP Soares Louro como um «grande maçon, a quem Portugal e a televisão portuguesa muito devem». Recordou também que o conheceu pessoalmente na manhã de 25 de Abril de 1974, quando participou como militar na ocupação dos estúdios da RTP. «Não mais esquecerei a preciosa ajuda que então Soares Louro nos deu para colocarmos a emissão no ar, num momento em que ainda não estava assegurado o desfecho vitorioso da revolução. Soares Louro viria a ser 4 anos mais tarde um grande presidente da RTP, promovendo uma radical melhoria do seu serviço público, nomeadamente através da autonomização do seu segundo canal, confiado a Fernando Lopes», referiu a António Reis.

Foi com a sua coordenação que se realizaram as comemorações do Bicentenário do Grande Oriente Lusitano, entre 2002 e 2004, tendo sido presidente da Comissão das Comemorações do Bicentenário e do II Encontro de Maçonaria Latina. Em 2002 disputou as eleições para o Grão-Mestrado enquanto Grão-Mestre Adjunto. João Soares Louro era obreiro destacado e membro honorário da Loja Alberto Sampaio, a Oriente de Viseu, membro honorário da Loja Universalis, a Oriente de Lisboa, e membro do Grande Conselho Maçónico desde 2006, por nomeação do Grão-Mestre António Reis.

Sofreu dois acidentes vasculares cerebrais entre Dezembro de 2006 e Fevereiro de 2007. O último levou-o à Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de Santa Maria, onde permaneceu dois meses, até à sua passagem ao Oriente Eterno, pouco dias após o equinócio da Primavera, a 26 de Março de 2007. Tinha 74 anos.

Pimenta, Loja Alberto Sampaio

Sessão Magna de Exaltação – Público maçônico (restrito a Mestres)


CONHECE-TE A TI MESMO!

A.:R.:L.:S.: ORÁCULO DE DELPHOS Nº 3772
FILIADA AO GOSP
FEDERADA AO GOB

Fundada em 08 de maio de 2006 da E.:V.:

C O N V I T E

OS OBREIROS DESTA OFICINA SENTEM-SE HONRADOS EM CONVIDAR OS IRMÃOS MESTRES MAÇONS PARA:

SESSÃO MAGNA DE EXALTAÇÃO
IR.: GEORGES C. CHATZICHARALAMBOS

27 DE MAIO DE 2009 ÀS 20:00h
RUA DR. RODRIGO DE BARROS, 107 - LUZ

Público

Exclusivamente mestres maçons ativos e regulares

quinta-feira, 14 de maio de 2009

Pronunciamento do Grão-Mestre Geral do Grande Oriente do Brasil, Soberano Irmão Marcos José da Silva, em 14 de maio de 2009


O Grande Oriente do Brasil prestará amanhã, dia 15, justa homenagem à Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, na oportunidade da celebração dos duzentos anos de tantos serviços relevantes dispensados à sociedade carioca e à fluminense desde os tempos do príncipe Regente, D. João, que, com sua notável visão do futuro criou a Corporação.

Nestes dois séculos, o débito que a própria nação brasileira contraiu com a PMERJ está registrado nos anais da campanha pela Independência, quando ostentando seu antigo nome, a Guarda Real de Polícia assegurava a ordem no Rio de Janeiro nos momentos em que o então príncipe Dom Pedro se afastava da cidade.

Já durante a Guerra do Paraguai, como Divisão Militar da Guarda Real de Polícia de Corte, contribuiu com significativo contingente no conflito, mediante atuação do 31º Corpo de Voluntários da Pátria, de destacada atuação no campo de operações sob o comando de oficiais do Império e ao lado de tropas da Argentina e do Uruguai.

Na oportunidade da criação de Brasília, a então Policia Militar do Distrito Federal dividiu-se em duas corporações para que uma delas constituísse a Polícia Militar da nova Capital, que trouxe o antigo nome, enquanto a base da antiga e tradicional corporação continuou no Rio de Janeiro, dedicada a seus deveres para com a população fluminense.

Entregue aos compromissos de salvaguardar a tranqüilidade pública, a PMERJ é hoje instituição respeitada pela sociedade, que acompanha a atuação, o denodo e o sacrifício de seus soldados e oficiais, neste momento em que o mundo parece está perdido no labirinto da violência.

Que o Supremo Arquiteto do Universo permita que o povo fluminense conte sempre com uma força policial-militar do nível da PMERJ, capaz de assegurar a normalidade da vida cotidiana e garantir o sossego da população ordeira e trabalhadora.”


14.05.2009



Marcos José da Silva
Grão-Mestre Geral

ASSEMBLÉIA ESTADUAL LEGISLATIVA REALIZA SESSÃO ITINERANTE NO TEMPLO DA LOJA ASILO DA VIRTUDE


No dia 9 de maio, sábado, com 51 Deputados presentes, o Irmão Mauro Marcondes presidiu sessão itinerante da Assembléia Estadual Legislativa, prestigiada por um grande número de Irmãos visitantes.
Vários Deputados Federais, Secretários do Grande Oriente, Veneráveis-Mestres e futuros Veneráveis, Coordenadores Regionais de Catalão e Pires do Rio, José Viana e Transvaldo Jerônimo da Silva, e presenças marcantes de apoio e acolhida fraterna, do Venerável-Mestre João Antônio de Faria, da Loja Maçônica Asilo da Virtude, e do Prefeito e Deputado Estadual Odemir Moreira de Melo.



A sessão foi realizada com muita organização, brilhantismo e muito bem dirigida pelo Eminente Irmão Mauro Marcondes, que a conduziu em todos os detalhes, seguindo as normas do Poder Legislativo Maçônico, colocando em apreciação assuntos de interesses e explicando a todos o que significava o ato que estava sendo realizado em comemoração ao 78 anos da cidade de Goiandira.
Vários Deputados usaram da palavra, entre eles o Secretário da Assembléia José Marques de Albuquerque, os Veneráveis Irmãos Rômulo Rocha, Luiz Prado de Araújo, José Manoel de Brito, José Humberto Evangelista, José Geraldo de Oliveira, Odemir Moreira de Melo, e o orador da Assembléia Cezar Gomes.


O Presidente Mauro Marcondes abriu palavra para os visitantes, quando falaram os Coordenadores José Viana e Transvaldo Jerônimo da Silva, o Venerável-Mestre da Luz Corumbaibense, Wisner Araújo de Almeida, concluindo com o Grão-Mestre Barbosa Nunes agradecendo pela acolhida do Poder Legislativo, pela oportunidade de ter participado de uma sessão significativa e que muito reconhecia o quanto a harmonia e o interesse é reinante entre o Poder Executivo e o Poder Legislativo.


Fez também um destaque para o Prefeito Odemir Moreira de Melo, Irmão honrado, administrador de primeira linha e cidadão ético e exemplar para todos os políticos do Brasil. Motivo pelo qual o cumprimento era feito em nome do Grande Oriente do Estado de Goiás, que está sempre a disposição daquela Casa de Leis, através do Deputado Estadual Jonas Alves de Rezende Neto, da Loja Maçônica Amor e Luz de Pires do Rio, e que exerce a função de Representante do Poder Executivo na Assembléia. Pelo Irmão Barbosa Nunes foi reafirmado que o Deputado Jonas Alves, está autorizado e tem competência imediata para prestar quaisquer informações solicitadas pelos Deputados, dentro de uma pratica administrativa transparente que acontece no GOEG.


Encerrando suas palavras o Grão-Mestre Barbosa Nunes disse que os elogios dos Deputados José Manoel de Brito, José Humberto Evangelista e Cezar Gomes, mais o responsabilizava e o deixava mais comprometido em que nós possamos todos, executivo, legislativo e judiciário, contribuirmos para uma nova fase maçônica de descentralização, como ocorria naquele momento, com a Assembléia Itinerante.


PARABÉNS VENERÁVEIS IRMÃOS DEPUTADOS!

PARABÉNS ASSEMBLÉIA ESTADUAL LEGISLATIVA!

PARABÉNS DA LOJA ASILO DA VIRTUDE DE GOIANDIRA!

C O N V I T E do GOEG


O Grande Oriente do Estado de Goiás tem o prazer de convidar, com muito empenho, para a solenidade de Entrega de medalha Pedro Ludovico Teixeira, ao Irmão EDNILSON NICOLAU DOS SANTOS, Venerável-Mestre da Loja Maçônica Obreiros do Cerrado de Jataí GO, Tenente-Coronel da Polícia Militar e Comandante Regional da PM naquela cidade e adjacências.

A sessão acontecerá na Assembléia Estadual Legislativa, na próxima sexta-feira, dia 16 de maio às 20 horas no Plenário do Poder Legislativo Goiano, localizado no Setor Oeste, ao lado do Colégio Ateneu Dom Bosco, em Goiânia.

O Grão-Mestre Barbosa Nunes pede o comparecimento do maior número possível de Irmãos, para nos alegramos com a homenagem merecida pelo excelente trabalho que o Irmão presta para a Ordem Maçônica, Polícia Militar e Comunidade do Sudoeste.

C O N V I T E da Loja Maçônica Voluntários da Pátria 3440


A Diretoria da Loja Maçônica Voluntários da Pátria 3440, fará realizar no dia 20 de maio, quarta-feira, às 19:30 horas Sessão Magna Festiva em comemoração ao 7º aniversário desta Loja, quando receberemos a Professora HELGA BENNETH, Especialista em Saúde Mental, que fará palestra sobre o tema “SER OU NÃO SER NORMAL. EIS A ETERNA QUESTÃO”, sito na Rua 15 esquina com a rua 30 Qd. J14 Lt.03, Setor Marista – Goiânia GO.

Donaldo Messias Rodrigues
Venerável-Mestre

GOB-PI Desencadeia campanha de arrecadação de donativos para atingidos pelas enchentes


No dia 04 de maio, o Eminente Irmão Francisco José de Sousa, Grão-Mestre do Grande Oriente do Brasil-Piauí, anunciou a Campanha de arrecadação de donativos para serem entregues aos desabrigados pelas enchentes que ocorreram nas cidades piauienses.
Foi feito um apelo aos Veneráveis Mestres, Presidentes de Fraternidades Femininas, Grupos DeMolays, Apejotistas, Filhas de Jó para mobilizarem as Lojas Maçônicas e as Entidades Paramaçônicas, a fim de conseguir o maior volume possível de doações para as famílias.
Tal pedido, também foi feito ao Grão-Mestre Geral, Soberano Irmão Marcos José da Silva, que sensibilizado, emitiu solicitações aos Grão-Mestres dos diversos Estados, para que ajudem aos nossos conterrâneos vitimados pelas enchentes.

O envio da ajuda deve ser destinado à Sede do Grande Oriente do Brasil-Piauí, na rua Magalhães Filho nº 1270-N, Bairro Marquês e contato telefônico poder ser feito pelos números (86) 3221-3633 e (86) 3226-1531.

Os últimos dados divulgados pela unidade da Defesa Civil do Piauí, informa que cerca de 7.220 famílias foram atingidas pelas enchentes em 25 municípios, o que totaliza aproximadamente 36.100 pessoas. Na capital do Estado, Teresina são 2 mil famílias atingidas, o que representa 10.035 pessoas.

Segundo o Grão-Mestre Estadual, o prédio da A:.R:.L:.S:. Matias Olímpico de Melo, oriente de Barras-PI, foi cedida para alojar 5 famílias desta cidade, portanto o envio dos donativos deve ser de imediato, pois a urgência requer pronto atendimento.

Para tanto, o Grande Oriente do Brasil-Maranhão, está colocou-se a disposição para ajudar nas arrecadações e todas as Oficinas do Estado tem contribuído no que é possível. Irmãos viabilizaram medicamentos para os desabrigados.

O GOB-MA dispolibiliza sua conta do Bradesco para receber doações. Banco Bradesco, Agência 1167-3, Conta Corrente 020722-5. Os donativos como roupas e alimentos estão sendo recolhidas nas Lojas Maçônicas do GOB-MA, GOAM e GLEMA, em todos o Estado do Maranhão.

quarta-feira, 13 de maio de 2009

ESTRANHA MULHER


Maria Ivone Corrêa Dias
Academia Feminina de Letras e Artes de Goiás


Eu sei que ela existe,
(embora eu nunca a veja...)
mulher estranha de mãos imensas,
semeando esmolas, misteriosamente,
cercada de respeito, de lendas e de temor
as mãos dessa mulher tem forma de amor
mãos que ninam os berços da orfandade,
mãos que põem luz na noite da viuvez,
mãos que cortam o erro, como espadas
mãos que abençoam, que denunciam crime
e que trazem, no gesto que redime,
toda a unção das próprias mãos de Deus.
Essa mulher tem a graça das Acácias,
a ternura que consola a dor alheia,
o bem que ela faz gravando só na areia,
vem a onda e o leva ao seio do grande
Artista que vela sobre o triste, o fraco e o oprimido.

Essa mulher, se escuta algum gemido,
se pressente a dor, a injustiça, a queda,
como o vento desloca-se flecha ousada e firme
na pressa de salvar, servir e se esconder.
Ela está de pé às portas da miséria...
Junto ao incapaz, ela é o braço potente,
amparo ela o é ao lado do indigente
arrimo da velhice, luz da juventude,
e ante a própria morte, aos pés do ataúde,
essa mulher é esteio, é força e segurança.

Seus braços, quais colunas talhadas na rocha,
já sacudiram tronos, muralhas e cidadelas,
já libertaram escravos e enriqueceram os pobres,
já ergueram nações sobre cinzas de impérios...
Ela já viu morrer os filhos em prol da liberdade,
e, embora chorando sobre seus tristes restos,
seu braço ergueu, em sagrado protesto,
a bandeira santa do amor universal.
De sua mesa farta, tal como em família,
reparte ela o pão da graça feminina,
sem humilhar aquele a quem sobrou pobreza,
e sua mão direita, segundo o evangelho,
jamais presenciou o que a esquerda fez.
A ordem do Senhor: "Amai-vos uns aos outros"
à frente do seu Templo essa mulher gravou,
e como irmãos se tratam milhões de filhos seus,
homens predestinados, cidadãos benditos
que não se envergonham - oh não - de crer em Deus.

Essa mulher estranha, sem jóias e sem fraqueza
essa mulher estranha, temida e venerada,
mil vezes perseguida, vencendo com galhardia,
é cidadã do mundo, é a MAÇONARIA.

Grande Loja Maçônica do Estado do Rio Grande do Sul


13/05/2009 - quarta-feira - 20 h

Palestra proferida pelos RResp:.IIr:.Jarbas Lima e Paganella Boschi, com o tema: "A Maçonaria e o Judiciário", na CBARLS Obreiros de São João Nº 42, integrando a programação relativa aos 60 anos de fundação daquela Oficina.

14/05/2009 - quinta-feira - 20 h

Sessão Magna Branca da Maçonaria Unida de Cachoeirinha, promovida pela ARLS Zênite nº 215, com a BARLS Gênesis nº 106,e com a ARLS Cidade de Cachoeirinha nº 202, em comemoração aos 43 anos de emancipação daquele Município, a realizar-se na Câmara de Vereadores de Cachoeirinha, à Rua Manatá nº 565, Bairro Jardim Colinas.

GRANDE LOJA MAÇÔNICA DO ESTADO DE RONDÔNIA -Loja Defensores da Ordem convida Irmãos para Sessão na próxima segunda-feira, dia 18


A Loja Maçônica Defensores da Ordem convida os Obreiros de todas as Oficinas para abrilhantarem com vossas presenças a Sessão de Regularização do Irmão JOSÉ BERNARDES PASSOS FILHO, também conhecido como Irmão KAYANO, que será realizada no próximo dia 18, segunda-feira, a partir das 20h, no Templo Maçônico da Glomaron, rua Tabajara 2651, bairro Liberdade. O Venerável Saulo Roberto Faria do Nascimento e os Obreiros desta Loja contam com a vossa participação.

Grande Loja de MG realizará eleições em 18 de maio



O Grão-Mestre Antônio José dos Santos, da GLMMG, encaminhou ofício à Glomaron solicitando o agendamento da data 20 de junho próximo, quando da Posse do Grão-Mestrado. A Comitiva de Rondônia é esperada para o evento. As eleições, em Minas Gerais, acontecem no próximo dia 18 de maio.

Elevações na ARLS Pérola do Sul nº 48 - Bela Vista de Goiás


A Loja está localizada no Oriente de Bela Vista de Goiás e se desponta com uma das mais dinâmicas no interior do Estado, devido ao seu trabalho de filantropia junto à comunidade e a atuação maçônica.Dentre os convidados que estiveram presentes à Sessão Magna de Elevação, o Grão-Mestre Adjunto Nailton Pereira da Silva prestigiou o acontecimento e falou aos novos Companheiros sobre a responsabilidade do Grau e a continuidade da caminhada.
Nailton aproveitou também para falar sobre a importância da participação das Lojas goianas na XXXVIII CMSB, que acontece em Goiânia de 11 a 16 de julho.
Por fim, o Eminente Grão-Mestre Adjunto parabenizou toda a Loja pelo trabalho que vem realizando.
O Venerável Mestre da ARLS Pérola do Sul n° 48, Max Delano Guimarães agradeceu a todos os convidados, acrescentando que a sua Loja se sentia honrada com as suas presenças e falou aos três novos companheiros sobre a “missão que eles assumiam” a partir daquele momento.Ao final houve uma confraternização com todas as Cunhadas e familiares dos três elevados: Sinomar Felix Ribeiro, André Luiz Guimarães e João Batista da Silva.

ARLS União Feliz nº 31 elege sua nova diretoria


A eleição aconteceu em clima de muita harmonia e organização.Dos 60 membros da Loja, 29 estavam aptos a votar. A chapa única era presidida pelo Irmão Dílvio Araújo Silva, atualmente exerce o cargo de 1º Diácono na União Feliz, mas já esteve à frente de várias outras funções, como na segunda vigilância.Com dez anos de Loja, o Irmão Dílvio chega agora à Venerável Mestre. Ele vai substituir o valoroso Irmão Marcos Geraldo, que por dois mandatos comandou com muita firmeza, sabedoria, equilíbrio e dinamismo a ARLS União Feliz nº 31.Todo o processo eleitoral foi acompanhado de perto pelo Delegado Carlos Medeiros Pinto, do 9º DM.
Além da vitória do Irmão Dílvio, foram eleitos como 1º e 2º Vigilantes, Antonio José da Silva Feliciano e Elison José dos Santos respectivamente.Ao final da votação ouve a contagem dos votos e o anúncio da chapa vitoriosa.Vários Irmãos parabenizaram o futuro Venerável Mestre desejando sucesso em sua administração e antecipando apoio total à sua gestão.
O atual Venerável da Loja, Irmão Marcos Geraldo agradeceu a todos a confiança e a responsabilidade nele depositadas durante as duas gestões e disse que sua missão ainda não terminou.“Quero ver uma participação expressiva da Loja União Feliz na XXXVIII Assembléia Geral da CMSB e o mesmo empenho na recepção da deleção de Santa Catarina. Vamos mostrar porque somos conhecidos no meio maçônico como uma das Lojas mais atuantes no estado”, garantiu o Venerável.
Para o recém eleito Venerável o Irmão Marcos dirigiu palavras de otimismo e confiança.Finalizando o Irmão Dilvio Araújo Silva disse que pretende continuar contando com o apoio de todos os Obreiros da Loja e principalmente com a experiência daqueles que sempre dirigiram com perfeição e justiça os destinos da ARLS União Feliz nº 31.

A Maçóneria do Rio de Janeiro na atenção da sociedade maçónica romena


A Maçónaria do Estado de Rio de Janeiro está na atenção da sociedade maçónica romena. A Agência de Imprensa Maçónica da Romenia publicou o artigo sobre o evento maçónico o mais recente de Rio de Janeiro. O artigo foi publicado em http://www.agentiadepresamasonica.blogspot.com/, com a menção que o exemplo dado por GOERJ é um de que todas as Obediências Maçónicas de Europa devem aprender.





Palácio Maçônico - 200 anos de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro


O Grão-Mestre Geral do Grande Oriente do Brasil – Soberano Irmão Marcos José da Silva, declarou os trabalhos abertos e a seguir usou da palavra comunicou que, em homenagem a PMERJ, instalava o Gabinete do Grão-Mestrado nas dependências da rua do Lavradio, 97 no período de 11 a 15 de maio de 2009.

“1809-2009 – 200 anos da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro”
“A primeira corporação policial militar do Brasil”.

feita pelo Secretário Estadual de Administração e Patrimônio – Manoel Peixoto Barbosa

Foram entregues as seguintes Medalhas Comemorativas dos 200 anos da Polícia Militar: 001 - Museu do Grande Oriente do Brasil, 002 - Museu do Grande Oriente do Brasil no Rio de Janeiro, 003 - Museu da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, 004 - Soberano Irmão Marcos José da Silva – Grão-Mestre Geral do Grande Oriente do Brasil, 005 – Eminente Irmão Eduardo Gomes de Souza – Grão-Mestre do Grande Oriente do Brasil no Rio de Janeiro, 006 – Coronel Gilson Pitta Lopes – Comandante Geral da PMERJ, 007 – Sapientíssimo Irmão Grão-Mestre Adjunto do GOB – Irmão Claudio Roque Buono Ferreira, 008 – Poderoso Irmão Grão-Mestre Est. Adjunto GOBRJ – Edimo9 Muniz Pinho, 009 – Coronel PM – Antonio Carlos Suarez David – Chefe de Estado Maior Geral da PMRJ, 010 – Cunhada Sra. Lidia Castro Silva – Presidente
Nacional da FRAFEM, 011 – Cunhada Senhora Ligia Gomes de Souza – Presidente Estadual da FRAFEM-RJ, 015 – Mestre Instalado – Irmão Paulo Gomes dos Santos Filho e 016 – Mestre Instalado – Irmão Vicente de Paulo Azevedo. Encerrando a solenidade os presentes cantaram o Hino da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (Composição do Coronel PM Jorge Ismael Ferreira Horsae). Após foi servido coquetel na Sala de Reunião do Conselho.

www.gob-rj.org.br

terça-feira, 12 de maio de 2009

Grão-Mestre do GOB, Ir:. Marcos José da Silva prestigia Sessão de Regularização da Loja Maçônica Nictheroy No° 3959


O Grão-Mestre do Grande Oriente do Brasil, Ir:. Marcos José da Silva prestigiou a Sessão de regularização da Augusta e Respeitável Loja Simbólica Nictheroy n° 3959, no dia 7 de maio, no Templo da Loja, na cidade de Niterói/RJ.

A Sessão contou com a presença de diversas autoridades maçônicas, entre elas, o Grão Mestre Geral do GOB, Soberano Ir:. Marcos José da Silva, o Grão Mestre do Grande Oriente do Brasil – RJ, Eminente Ir:. Eduardo Gomes de Souza, o Grão Mestre Adjunto do Grande Oriente do Brasil – RJ, Poderoso Ir:. Édimo Muniz Pinho, o Secretario Geral Adjunto de Ritualística do Rito de York, no GOB, Eminentes Ir:. Adilson Fernandes Santos, o Assessor do Gabinete do Grão-Mestre Geral do GOB, Ir:. Matheus Casado, o Secretário de Ritualística do Rito de York, do GOB-RJ, Ir:.Fernando de Faria e o Grão Mestre da Grande Loja Unida da Inglaterra, America do Sul, Divisão Norte, Ir:. Colin V. Foster.

.

.