Istambul recebeu o III Encontro Maçónico Internacional

terça-feira, 14 de abril de 2009

Istambul recebeu o III Encontro Maçónico Internacional


Subordinado ao tema “Interacção e Entendimento Culturais na Perspectiva da Paz Universal”, realizou-se em Istambul, Turquia, no passado dia 4 de Abril, o III EMI - Encontro Maçónico Internacional.

Com a presença de numerosos maçons provenientes de vários países, a abertura dos trabalhos coube a Metin Ansen, Grão-Mestre da Grande Loja Liberal da Turquia, e a Pierre Lambicchi e Vassilos Paktas, Grão-Mestres do GODF (França) e da Ordem Internacional Delphi (Grécia), respectivamente.

Entre muitos oradores de vários nacionalidades e organizações, maçons e não maçons, são de destacar as intervenções de Gérard Fellous, especialista em Direitos do Homem junto da ONU, Didier Doucet, professor universitário, Omer Tecimer, escritor e ensaísta, Nakana Diakite Prats, antropóloga e historiadora e Vincent Pelloquin, dirigente de uma ONG.

Os Direitos do Homem, o diálogo entre culturas, os problemas suscitados pelas novas realidades sociais e pela conjuntura actual no contexto da globalização, os desafios com que se deparam não só todos os cidadãos, mas também os dirigentes políticos e a própria Maçonaria na construção da Pas e de um mundo mais fraterno e mais justo, foram temas de várias intervenções.

Seguiu-se depois um debate em que participaram representantes das várias Obediências presentes e o público em geral. Cabendo ao Grande Oriente Lusitano - Maçonaria Portuguesa a organização do próximo Encontro Maçónico Internacional, que coincidirá com a realização do II Encontro Internacional de Lisboa promovido pela maçonaria portuguesa, o Grão-Mestre António Reis, que esteve presente, anunciou que o tema será “A Actualidade dos Valores Republicanos”, explicando as razões da sua escolha. A data deste acontecimento será anunciada oportunamente.
Refira-se ainda que, na véspera, a delegação do GOL, composta pelo Grão-Mestre António Reis e o pelo Grande-Chanceler, participou numa sessão de trabalhos comemorativa do 100.º aniversário da fundação da maçonaria na Turquia, marcada pela presença de maçons de várias nacionalidades que puderam confraternizar com os seus irmãos da Grande Loja Liberal turca.
Você gosto?

.

.